Hoje teve um evento dentro da Semana Lixo Zero que tá acontecendo aqui em Florianópolis e em outras cidades e tiveram várias palestras com coisas tão legais que eu quis compartilhar com vocês.

INICIATIVAS AQUI NO BRASIL

André, da Cempre falando na Semana Lixo Zero

Fiquei super feliz em ver que a Cempre Brasil​ estava lá. Eles são uma ONG que ajuda empresários, cooperativas e prefeituras a gerir os resíduos e aumentar e melhorar a reciclagem de materiais. Ou seja, você pode contar com eles para capacitar equipe de catadores, ajuda para a cidade implementar a coleta seletiva (com recurso federal, destinado pra isso) entre outras dúvidas

Uma das coisas que me deixou bastante surpresa foi a iniciativa dos Supermercados da Rede Angeloni​ (daqui de SC) terem adotado uma política lixo zero. Aqui em Florianópolis eles destinam todas as comidas estragadas (que não podem ser doadas, porque o que está bom é doado) para uma instituição de tratamento de dependentes químicos que faz a compostagem desse material (que trabalho maravilhoso esse, aliás). Eles tem todo um processo de manejo dos resíduos dos supermercados que faz com que apenas 5% (mais ou menos) do lixo gerado seja enviado aos aterros sanitários! O resto dos resíduos ou é reciclado ou compostado ou reaproveitado.

Apesar de ter algumas ressalvas por ser um supermercado que vende muito lixo nas embalagens acho que é um modelo muito legal a ser seguido. Afinal de contas, ainda existem e vão por muito tempo existir os mercados convencionais. Então é melhor a gente lidar com esse processo do melhor jeito enquanto não temos só mercados sem embalagem ou outro modelo de negócio.

Parte dessa comida que é doada, como eu falei, é encaminhada para o projeto Mesa Brasil, dos Sesc​. Eles coletam comidas que por N motivos não vão mais ser comercializadas mas que estão boas para o consumo e entregam em instituições carentes e com cunho social. É um projeto incrível de combate à fome e ao desperdício também. E existe em muitas cidades do Brasil, acompanhando os SESC :)

INICIATIVAS LÁ DE FORA

Steven Chin, da SF Enviroment de São Francisco, nos EUA, falou sobre as iniciativas para ser uma cidade lixo zero. A meta é chegar nisso em 2020 e pra isso eles tão investindo em aumentar a reciclagem e compostagem. Sim, porque lá dá para colocar o lixo orgânico em um lixeiro e a prefeitura recolhe!

http://uasz.com.br/2015/10/playboy-sem-mulher-pelada-sustentabilidade-noivos-e-photoshop.html
São Francisco, uma das cidades mais sustentáveis dos EUA

São Francisco foi a primeira cidade do mundo a criar uma lei que tivesse essa política de reciclagem e compostagem, lá em 2009. Eles proibiram em 2007 o uso de isopores e também sacolinhas plásticas em supermercados – e em 2012/3 eles atualizaram a política das sacolinhas proibindo em todas as lojas e obrigando os lojistas a cobrar por elas (o que reduziu em mais de 50% o uso delas). Agora eles estão em uma briga com as garrafas descartáveis de água, querendo proibí-las e trocá-las por garrafas reutilizáveis.

O que eles querem, antes de mais nada, é uma cidade melhor de se viver. Achei muito incrível a seguinte frase do Steven: "o que queremos é transformar reutilizar sua sacola, levar seu copo para beber café e seus potes e sacolas para fazer comprar em algo normal". E ele comparou com como fumar em todos os lugares como em aviões era aceitável e tido como normal e hoje é algo tão absurdo.

Não dá vontade de juntar os trapos, pegar o namorado e a gata (meu caso) e ir pra lá agora?

Sandra Nordstrom, do The Good Tribe, falando na Semana Lixo Zero

A Sandra Nordstrom é minha nova meta de vida: quero ser que nem ela. Ela é criadora do The Good Tribe, uma empresa de empreendedorismo social que dá consultoria em sustentabilidade e criatividade. Eles trabalham com a ideia de que não deveria existir desperdício aliado à capacidade e potencial humanos, usando seus (nossos) talentos para resolver esses problemas. E isso tem tudo a ver com a frase a seguir:


Um ponto super legal que ela falou foi que nós, enquanto sociedade somos uma crianção humana. Então tudo que está dentro dela (o modelo de negócios da economia atual, o conceito de desperdício) também é e só cabe a nós a mudar esses conceitos. Nós já ultrapassamos quatro dos nove Limites Planetários e se não mudarmos o modelo de economia, vamos sofrer as consequências de usar mais do que o planeta aguenta.

Como o evento era voltado para empresários, principalmente do setor de supermercados, Sandra frisou que são infinitas possiblidades de negócios lixo zero. Sim, elas existem e são infinitas! O que a gente precisa é pensar fora da caixa e reinventar processos e negócios. Aí ela citou três empresas: H&M que financiou um estudo para conseguir reciclar tecidos e hoje tem mais de 3 mil pontos de reciclagem nas suas lojas; a Desso, uma marca de carpetes que mudou seu posicionamento para ser um carpete 100% reciclável e de material reciclado, feito com energia renovável e com responsabilidade social; e a Patagonia, uma marca de roupas que mudou toda sua lógica e agora produz peças duráveis, recebe peças usadas e transforma-as em novas entre outras iniciativas sustentáveis.


A The Good Tribe também tem uma iniciativa que achei muito incrível: a Zero Waste Jam (Geléia Lixo Zero). Eles perceberam que, lá na Austria, existiam várias árvores frutíferas cujas frutas não eram aproveitadas pelas pessoas e que os mercados descartavam muitos alimentos só porque eles eram "feios" e passaram a fazer geleias e todos os tipos de compotas com esses alimentos. Além disso, são refugiados da atual crise que acontece lá na Europa que fazem essas compotas. Eles ganharam uma oportunidade de trabalho e vão aprender a língua mais rápido. Inclusão social + sustentabilidade. Lindo, né?

Achei as falas e todos esses exemplos histórias inspiradoras e maravilhosas. Apesar de problemas na tradução e um coffee break cheio de lixos descartáveis, acho que a iniciativa da Semana Lixo Zero super importante para discutir também com empresários sobre esse tema. Espero que seja uma terça-feira muito inspiradora pra vocês também. ♡

Um comentário

  1. Oi Cristal tudo bem? Você realmente é uma inspiração para mim. O descarte do lixo é um grande desafio para a maioria das pessoas e saber que tem solução é muito acalentador! Tenho um blog chamado Felicidade Sustentável e essa semana o tema foi sobre lixo...e acabei citando você e seu blog...dá uma olhadinha no link
    http://www.felicidadesustentavel.com.br/2015/10/como-voce-trata-seu-lixo.html
    Espero que goste! e Parabéns pelo seu trabalho lindo!

    ResponderExcluir